sábado, 7 de novembro de 2015

A Voz do OBSERVADOR(A) de comportamentos de bullying

Poema sobre o bullying

1
Não posso o permitir,
de te fazer sofrer
vou ter de o corrigir
para que ele possa crescer.
2
Como cidadão,
não se deve maltratar
pois está no coração
um respeito para conquistar.
3
A vida é para alegrias,
não para discussões
vais ter o que merecias
vais pagar pelas tuas ações.
4
Não te deixes influenciar,
por alguém que te bateu
ele vai ter que pagar
pelas chapadas que te deu.
5
Tu não podes continuar,
a ser boneco de alguém
pois tens de te queixar
porque senão não tens ninguém.
6
O tempo é certo,
quando tens coragem
vou fazer o que está correto
pois o agressor fez malandragem.
7
Não te podes esconder
porque ele pode te encontrar
a sorte que tu podes ter
é a de não te denunciarem.
8
Vou estar ao teu lado
se ele te estiver a seguir
podes estar descansado
que te assustar ele não vai conseguir.
9
Quero-te dar uma ajuda
e o fazer confrontar
pois ele vai mudar
se a família o ensinar.
10
Nunca deixes de sonhar,
quero-te ver a crescer
não te vou abandonar
só vais ter o que merecer.

Autor: João Rocha (18 anos)


Sem comentários:

Publicar um comentário